Pular para o conteúdo

Peça teatral Ópera Massacre estreia em junho no Cine Theatro Brasil Vallourec a preços populares

    A angústia crescente provocada pelos momentos mais dramáticos da pandemia se tornou inspiração para a criação do espetáculo “Ópera Massacre”, do diretor e historiador Gustavo Des. Ele explica que além das angústias, os tantos absurdos que permearam o noticiário durante o período também o influenciaram na construção do texto. “Como forma de escapar da angústia, solidão e melancolia, mudei meu cardápio musical, redescobrindo a música clássica, e me rendi de vez ao gênero do absurdo, meu gênero teatral favorito”, revelou o diretor.

    Nesta trama inusitada, uma família entra em colapso quando se vê obrigada a preparar o velório da matriarca, uma distinta cantora de ópera que traz consigo uma particularidade: se recusar a morrer. Bastante existencialista, o enredo é marcado por aflições de todos os tipos: calvície, iminência de morte, falta de cadeiras e, consequentemente, um desejo incontrolável de sentar.

    10

    Em sua primeira peça, encenada fora do ambiente virtual, Gustavo Des apostou nas parcerias. “Quando uma ideia é boa e você acredita nela, a coisa flui. Apresentei o texto a um colega ator no meu último dia de trabalho, trabalhava com marketing, e a resposta do Lucas (Michielini) foi tão emocionante que só me coube fazer essa “Ópera” acontecer”, comentou.

    Nesse processo, grandes artistas com seus instrumentos afinadíssimos, chegaram para compor a orquestra e dar vida aos personagens, incluindo um ator vindo de São Paulo (Tom Garcia), que abraçou Minas Gerais por acreditar no projeto, e a atriz e compositora mineira Clarice Carvalho, indicada ao Prêmio Copasa Sinparc (2019) como melhor atriz coadjuvante. Além de Michielini, Garcia e Carvalho, o elenco também conta com: Axwell Godoi, Laura Damada, Thiago Latalisa e Gabriel Oliveira. A produção ficou por conta de Ramon Moreira, que além de produtor de conteúdo também foi coordenador de comunicação do Corre Criativo.

    A peça tem sua estreia marcada para os dias 4 e 5 de junho, no Cine Theatro Brasil Vallourec, e de lá seguirá para o Teatro Feluma, onde fará apresentações nos dias 25 e 26. Ingressos já à venda na bilheteria dos teatros ou pela internet.

    Sinopse:

    Como num recital improvisado de manicômio ou uma ópera regida pelo mestre horror, “Ópera Massacre” é um oportuno encontro da tragicomédia e o gênero do absurdo. Inesperado, caótico e, ao mesmo tempo, extremamente sólido na sua dimensão humana. Nesta trama mirabolante uma família entra em colapso quando se vê obrigada a preparar o velório da matriarca, uma distinta cantora de ópera com um defeito singular: se recusar a morrer.

    Ficha técnica
    Texto e direção
    : Gustavo Des
    Elenco: Axwell Godoi, Clarice Carvalho, Gabriel Oliveira, Lucas Michielini, Laura Damada, Thiago Latalisa, e Tom Garcia.
    Cenário: Anderson Ferreira
    Figurino: Laura Vexisto
    Coreografia: Deborah Leal
    Iluminação: Rafael Bertolacini
    Produção: Ramon Moreira

    Serviço: Espetáculo teatral “Ópera Massacre”

    Datas: 4 de junho, às 20h e 5 de junho, às 18h
    Local:  Cine Theatro Brasil Vallourec (Av. Amazonas 315 – Centro/BH)

    Ingressoshttps://www.eventim.com.br/artist/opera-massacre-a-peca/
    Valores: R$40 (inteira) e R$20 (meia)

    Local: Teatro Feluma Prof. Dr. Geraldo Magela Gomes da Cruz (Alameda Ezequiel Dias, 275 – Sétimo Andar – Centro, Belo Horizonte) Datas: 25 de junho, às 20h e 26 de junho, às 18h
    Ingressos: https://bileto.sympla.com.br/event/73086/d/137195
    Instagram: @opera_massacr3

    Rate this post